domingo, 27 de novembro de 2011

Meu infinito .

Eu te conheço a tanto tempo,mas tanto tempo,que a minha vida não cansa de encontrar a sua. Hoje é tão pouco tempo,mas tão pouco tempo mesmo ,considerando o tempo em que meu caminho cruzou com o seu,isso já faz tanto tempo,mas tanto tempo,que o tempo adormece em meu tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário